Como atrair clientes para os restaurantes?
Por adove Em Blog Postado: 10 de outubro de 2018

Como atrair clientes para os restaurantes?

Um dos maiores desafios para restaurantes e lanchonetes talvez seja atrair os clientes ao espaço físico deles. A tele entrega veio como um auxilio, quando o cliente opõe-se a sair de casa, mas está em busca de comida. O importante é ele comprar, isso?

Não necessariamente. Vender é essencial, mas fidelizar o cliente tem um peso muito maior. E você precisa concordar que conquistar o cliente pessoalmente é mais fácil do que a distância, certo?

Então, o desafio maior é trazer o cliente ao espaço que você dispõe. A pergunta é: como fazer isso? Quais ações e mudanças que você pode realizar no restaurante que irão melhorar a procura por ele? E, após conquistá-lo inicialmente, como mantê-lo fiel? Continue a leitura e descubra! 

Conheça o público-alvo

Mesmo que seu ramo de negócio pareça bem amplo, passando a sensação de que você pode trabalhar com todas as idades, tenha cuidado. Alimentação é algo que realmente atiça as pessoas, afinal, quem não gosta de comer?

Porém, para que o restaurante conquiste clientes – estes que devem posteriormente serem fidelizados – é fundamental que você os delimite.

Vai atender empresários ou operários de obras? Casais jovens ou famílias? Essa etapa deve ser definida antes mesmo de qualquer coisa, até porque, você verá que definindo o público-alvo, é possível estabelecer com mais facilidade qual a comida, decoração do ambiente e o conceito que deseja passar do seu restaurante e marca. Afunilar a clientela, chegando a um público específico, permitirá ações mais assertivas e resultados mais positivos.

Invista no ambiente

Móveis confortáveis e um espaço aconchegante são o ideal. Essa questão é fundamental por dois aspectos: o cliente decididamente não quer sair de casa ou ele vai “se esforçar” para isso, mediante o fato de perceber que vale a pena.

Isso significa que, ou você conquista o cliente, começando pelo conforto e beleza, ou ele não vai enxergar necessidade em sair de casa para ir ao restaurante.

Qual ambiente é o ideal?

Como atrair clientes para os restaurantes?Se você dar uma pequena pesquisada no Google, vai perceber que os investimentos na decoração de ambientes que oferecem comida, cresceram. Na correria do a dia a dia, a refeição tem ficado em segundo plano, entretanto, qualquer lugar que ofereça uma comida gostosa e um ambiente aconchegante, serve.

As pessoas tem o foco em otimizar tempo nas tarefas do dia, descansando, almoçando e revisando e-mails no mesmo instante. Isso em um ambiente agradável e descontraído.

Então, qual é o ambiente ideal? Tudo vai depender do seu público-alvo!

Se o objetivo definido pelo seu restaurante é atender jovens empreendedores, por exemplo, opte por um ambiente mais neutro, com móveis ergonômicos. Se o foco estiver em atender famílias, um ambiente mais descontraído, com móveis de cores vivas e opção de mesas maiores, é o indicado.

Em um estabelecimento vintage e romântico, por exemplo, peças com armação em ferro fundido, formatos arredondados e estofados podem cair muito bem. Se o local é destinado a jantares longos, as cadeiras devem ser confortáveis e “abraçar” o cliente.

Comunicação visual

Nosso intuito não é desmerecer o trabalho de ninguém, entretanto, de acordo com a imagem que 0 restaurante quer passar, o cardápio ser feito em uma folha de papel A4 plastificada, é um pouco complicado, concorda?

Cuidar do material de divulgação do restaurante ou lanchonete é essencial, pois o cliente também está atento a isso. Cardápios coloridos, com fotos que despertam o desejo no cliente e com informações detalhadas das refeições são boas mudanças a serem feitas.

Uniforme dos funcionários e placa de entrada personalizada, também agregam no melhor ponto de vista do cliente em relação ao lugar.

Quanto mais padronizado o ambiente, mais o cliente se sentirá parte de um espaço seleto e especial.

Espaço kids

Este ponto só é indicado a você caso tenha interesse em atender um público mais velho, que normalmente visita restaurantes junto dos familiares.

Então, se o seu público-alvo for familiar, o espaço kids é primordial. Pode parecer exagero, mas quando as pessoas já conhecem o ambiente de outro momento e sabem que lá não possui espaço adequado as crianças, dificilmente elas voltam (acompanhadas dos pequenos).

Pais querem restaurantes que tenham um espaço dedicado a entreter as crianças, de modo que eles possam aproveitar de forma tranquila a comida e a companhia das outras pessoas.

Como já mencionamos antes, tudo depende do seu público.

Aplicativo para restaurantes

Nossa maior ideia aqui é apresentar dicas de qual forma atrair os clientes ao espaço físico do restaurante. Lembramos disso, apenas precisamos falar sobre esse tema, já que ele também não é uma questão de escolha, mas de adaptação ao que o mercado demanda.

O iFood, Hellofood e PedidosJá são alguns exemplos de aplicativos que você deve ter. Isso com o intuito de facilitar aos clientes quando eles tiverem interesse em pedir comida em casa.

Já que alguns aplicativos costumam cobrar comissões um pouco elevadas – devido ao alcance e popularização entre as pessoas –  existem alguns restaurantes que já contam com seus próprios aplicativos de delivery.

Se está iniciando agora, comece com outros aplicativos. Então, a medida que for crescendo, caso seja possível encaixar no orçamento, tenha um aplicativo próprio.

Mas não abra mão de tê-lo, você pode conseguir fidelizar clientes também através dele.

Presença online

Como atrair clientes para os restaurantes?A prova de que imagens são cada vez mais vistas e publicadas, é o Instagram, este que já ultrapassou o alcance do Facebook. Mesmo que pesquisas apontem que a visão de algo conquista mais se atrelada a audição – seria a explicação para o boom dos vídeos? – quando se trata de comida, uma imagem fala muito.

Tenha uma página no Facebook e no Instagram. Com uma boa estratégia de marketing digital divulgue as informações corretas e tenha imagens que agreguem no visual dos pratos do seu restaurante.

Sem esquecer do WhatsApp, que é a ferramenta mais indicada para tirar dúvidas dos clientes. Além disso, dependendo da situação, ele permite fazer pedidos e responder perguntas mais rapidamente.

Não ter nenhuma destas redes sociais acima faz com que o cliente se questione sobre os aspectos do seu restaurante. É preciso deixar claro todas as informações na internet, já que elas podem ser o meio de tirar o consumidor da preguiça e trazê-lo ao seu espaço.

Geolocalização

Poderíamos ter mencionado a geolocalização no tópico anterior, porém, por se tratar de algo fundamental, decidimos abordá-lo separadamente.

É indispensável que seu restaurante esteja cadastrado no Google Maps e em outras redes sociais especializadas em geolocalização e avaliações dos locais pelos frequentadores. TripAdvisor e Kekanto são exemplos.

Tenha cadastro nesses lugares e estimule os clientes a votarem sobre o ambiente, a comida e o atendimento, por exemplo. Isso influencia na escolha de pessoas que tem o hábito de visitar esses sites em busca dos melhores lugares para comer.

Acessibilidade

Esse assunto já gerou muita repercussão, mas a verdade é que existem muitos ambientes por aí que não possuem estrutura adequada para receber cadeirantes, por exemplo.

Neste caso, não é necessário se preocupar apenas em seu público-alvo. É provável que, cuidando da acessibilidade do restaurante, você conquiste não só as pessoas almejadas, mas também as demais.

Eles podem representar uma parcela menor da sociedade, mas possuem a mesma importância de cidadãos como qualquer outro.

Como fidelizar um cliente?

O que o cliente ganha ao ir no seu restaurante todo dia ou todo final de semana, por exemplo? “Comida saborosa e de qualidade” está mais para obrigação do que benefício, não acha?

Através de um controle rigoroso da questão financeira do restaurante, é possível realizar ações bacanas e atrativas aos clientes.

Datas comemorativas: através de promoções colete dados como nome, e-mail, ou até mesmo telefone do cliente. Nestas datas, como no aniversário do cliente, envie felicitações e ofereça almoço gratuito; no dia das mães ou dos pais, diga que eles, acompanhados dos filhos, por exemplo, não pagam;

Desconto pela frequência: é muito comum pessoas que vão todo dia em determinado restaurante ganharem desconto de 10 a 20% na refeição;

E então?

Entendemos que a maioria das dicas apresentadas envolvem custos. Mas, se analisar é bem possível que o investimento traga bons resultados. De uma forma ou outra, todas essas mudanças apresentadas influenciam no panorama geral do cliente em relação ao restaurante ou lanchonete.

Após definir o seu público-alvo, é muito provável que você já consiga identificar os gostos e preferências. De qualquer forma, se reprograme, aperte o orçamento e realize essas mudanças listadas.

Conheça todas as opções em móveis que a Cerutti Mobili tem à disposição. E então, ofereça aos seus clientes um ambiente que eles sempre irão querer aproveitar!

POSTAGENS RELACIONADAS

Móveis e decoração...

Restaurante corporativ...

Espaço Gourmet: saiba...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *